Banda Paralela

Alexandre Daloia, escaleta e flautim
Denilson Martins, sax barítono
Marcio Forte, bumbo
Ivan Alves, caixa
Douglas Freitas, trombone
Maycon Mesquita, trompete
Tiago Sormani, sax alto

Local: Decathlon

Atrás da Banda Paralela só não vai quem já morreu.
Com uma formação básica de cinco sopros e duas percussões, a Banda Paralela procura resgatar a tradição das bandas brasileiras sob um enfoque inovador, tendo como características a descontração, o humor, o virtuosismo dos músicos e a interação com o público.
O antigo e o contemporâneo, o clássico e a vanguarda, o elaborado e o popular, o comportado e o divertido. Uma dualidade que vira coerência a partir dos arranjos criativos em cima de repertório altamente insinuante, alegre e inventivo, que privilegia de um lado os ritmos brasileiros, samba, maracatu, xote, maxixe, baião; de outro, abre espaço para experiências com gêneros não usuais para essa formação, como rock, black, pop, funk, e até dance music.

Banda Paralela. Só vendo. E ouvindo.